Produtos

Sinaleiro Rodo Ferroviário Automático para Passagem de Nível – ECO


O Sinaleiro Rodo Ferroviário Automático ECO foi desenvolvido para atender a demanda das concessionárias ferroviárias, que necessitavam de alternativas técnicas e econômicas mais viáveis para sinalizar suas passagens de nível.

  • Acionamento automático feito pelo trem
  • Sinais luminosos matriz de Led’s
  • Sinal acústico do tipo gongo ferroviário tradicional
  • Custo muito reduzido em relação a outros sistemas
  • Ecologicamente correto, funciona com energia solar
  • Cruz de Santo André em material reflexivo
  • Controlador rodo ferroviário incluso e com proteção anti-vandalismo
  • Braço aéreo extensível
  • Sistema de detecção de trens incluído
  • Rápida instalação
  • Fácil manutenção

Componentes

Placa Aérea

A placa no alto do braço do poste é composta pela Cruz de Santo André e pela placa TREM ambas com película reflexiva para melhor visualização noturna. Os sinais luminosos são de matriz de LED’s de alto brilho e piscam de maneira intermitente à razão de 30 vezes por minuto, de acordo com as normas ferroviárias. Além disto, estes sinais sofrem oscilação de brilho de maneira similar às viaturas policiais, fato que contribui ainda mais para o respeito á sinalização da PN.

Na parte traseira da placa está localizado o sinal acústico eletro mecânico que, durante um período de 30 segundos após a detecção do trem, produz o consagrado som dos gongos ferroviários. Estes dois sistemas funcionam de maneira autonoma através de baterias e alimentação solar. Todos os componentes eletrônicos necessários para o funcionamento da placa aérea do ECO (bateria, controlador rodo ferroviário, sietmas eletronicos etc.) estão em seu interior, dificultando desta maneira as ações de furto e de vandalismo, uma vez que se encontram a uma altura elevada do solo (aproximadamente 6,0 metros).

Som dos gongos ferroviários:

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Placa Institucional

A função desta placa é promover a divulgação do responsável pela implantação da sinalização na PN.

Placa Número de linhas

Esta placa atende ás normas ferroviárias, determinando quantas linhas férreas cruzam a PN.

Placa Pare Via Preferencial

Esta placa atende ás normas do DENATRAN e determina que a via férrea é a prefencial, portanto obrigando os motoristas a pararem antes de cruzá-la.

Placa Pare Olhe Escute

Esta placa atende ás normas ferroviárias, determinando os procedimentos recomendados aos motoristas e pedestres para a transposição da PN.

Sistgema de Detecção de Trens

O sistema que detecta a aproximação dos trens esta posicionado em ambos os lados da PN, em disΩâncias que variam de acordo com a velocidade regulamentada para esta. Por norma devem operar no mínimo 20 segundos antes da chegada do trem mais rápido ao cruzamento. Este sistema é capaz de detectar desde grandes composições com mais de uma centena de vagões até pequenos veículos de serviço ferroviário.

 

Esquema de funcioamento

Sentido A-B

Sentido B-A

  1. Detecção Sensor A
  2. Acionamento sinais luminosos e acionamento sinal acústico
  3. Após 20 segundos os sinais acústicos são desligados
  4. Após a cauda do trem cruzar a via os sinais luminosos são desligados
  5. Sistema permance em stand-by até o próximo evento
  1. Detecção Sensor B
  2. Acionamento sinais luminosos e acionamento sinal acústico
  3. Após 20 segundos os sinais acústicos são desligados
  4. Após a cauda do trem cruzar a via os sinais luminosos são desligados
  5. Sistema permance em stand-by até o próximo evento

 

Especificação

  1. POSTE: Tubular, metálico, diâmetro externo 100,00mm com espessura da parede de 2,65mm; altura máxima do solo 5000mm (mínima de 4400mm). Mastro com tratamento superficial, do tipo zincagem a quente. Recebe a aplicação de faixas adesivas pretas e faixas refletivas amarelas conforme desenho SGI 31-0002:
  2. SINAL ACÚSTICO: Do tipo eletro-mecânico com gongo metálico de 300mm de diâmetro, operando em corrente contínua: padrão ferroviário. As batidas ocorrerão à razão de – aproximadamente – 160 vezes por minuto, sem interferência do som de uma batida no som do sinal acústico subseqüente.
  3. SINAIS LUMINOSOS: Composto pelo conjunto de dois focos de matriz de Led’s com aproximadamente 200 led’s de alto brilho (+ de 7000 mc). Apresentam aspecto vermelho intermitente, sendo cada matriz iluminada alternadamente na razão de 45 vezes por minuto e com oscilação de 15HZ. A deflexão da luz, dada pela unidade, quando as unidades são montadas, são de 30 graus na extensão horizontal do feixe luminoso e de 15 graus de cima para baixo.
  4. PLACAS DE SINALIZAÇÃO:
    1. PARE OLHE ESCUTE Construída em poliéster reforçado com fibras de vidro em sistema de duplas faces com reforço estrutural, bordas laterais de 25 mm em todo seu perímetro, tratamento anti ultravioleta, pintura gel “coat isoftálico” nas cores regulamentares e aplicação de película reflexiva conforme normas ferroviárias específicas.
    2. NÚMERO DE LINHAS Construída em poliéster reforçado com fibras de vidro em sistema de duplas faces com reforço estrutural, bordas laterais de 25 mm em todo seu perímetro, tratamento anti ultravioleta, pintura gel “coat isoftálico” nas cores regulamentares e aplicação de película reflexiva conforme normas ferroviárias específicas.
    3. PLACA PARE Construída em poliéster reforçado com fibras de vidro em sistema de duplas faces com reforço estrutural, tratamento anti ultravioleta, pintura gel “coat isoftálico” nas cores regulamentares e aplicação de película reflexiva conforme normas específicas do DENATRAN.
    4. PLACA “TREM” Construídas em poliéster reforçado com fibras de vidro em sistema de duplas faces com reforço estrutural, tratamento anti ultravioleta, pintura gel “coat isoftálico” nas cores regulamentares e aplicação de película reflexiva conforme normas específicas da ABNT. ITEM
  5. SISTEMA DE DETECÇÃO DE TRENS:
    1. SENSORES O sistema possui elevada capacidade de detecção; são captores magnéticos, circuitos de via, laços indutivos ou acionadores eletromecânicos dotados de alta sensibilidade (capazes de detectar os eixos das menores composições ferroviárias), precisão e elevada resistência mecânica com alto nível de durabilidade e segurança.
    2. AUTONOMIA O sistema de detecção de trens é dotado de baterias que garantem seu pleno funcionamento para o mínimo de duas (06) horas, propiciando autonomia de suporte ao sistema de sinalização automatizada. ITEM
  6. CONTROLADOR RODO FERROVIÁRIO:
    1. OPERAÇÃO O sistema possui controlador rodo ferroviário com capacidade de processamento das informações enviadas pelos sensores, de avaliar se as mesmas são procedentes e em caso afirmativo colocar os sinais sonoros e luminosos em operação, segundo as normas ferroviárias.
    2. AUTONOMIA O controlador rodo ferroviário é dotado de baterias que garantem seu pleno funcionamento para o mínimo de duas (06) horas, propiciando autonomia de suporte ao sistema de sinalização automatizada.

Galeria de imagens